Skip to Content
author's profile photo Former Member
Former Member

Devolução de Transferência SD/MM com NF

Prezados bom dia,

Tenho o processo de transferência SD/MM (Mov 861/861) e agora me foi solicitado a criação do processo de devolução de transferência onde, segundo o fiscal, não podemos fazer simplesmente um outro PC UB para devolver a mercadoria. Pesquisando no Fórum, encontrei a thread http://scn.sap.com/thread/3165609 que menciona a aplicação da nota SAP 1512390 e o link explicativo http://wiki.sdn.sap.com/wiki/x/NAVhE.

Seguindo as orientações do link e da nota SAP, consegui criar a devolução via mov. 671, mas este mov não é relevante para emissão de NF. Tentei colocar o flag de relevante na visão J_1BIM02V e ao tentar fazer o Post Goods Receipt (VL02N com a remessa de devolução), aparece o erro 8B289-Enter a tax code.


Como resumo, segue o passo a passo do processo:


1) Cria PO UB do centro A para B

2) Cria remessa via VL10B

3) Post Goods Issue da remessa via VL02N (Mov 862), gerando NFe de saída

4) Goods Receipt no centro de destino via MB0A (Mov 861), gerando NFe de entrada

5) Cria outro PO UB idêntico ao criado no passo1, porém com o flag "Returns Item" no item da PO que irá alterar na aba shipping a Delivery Type para NLR (Ret. Stock. Transp).

6) Cria remessa via VL10B, preenchendo o campo EXt. Delivery (Goto > Header > Administration) com o número da remessa criada no item 2 (10 Caracteres, preencher com zero a esquerda caso seja menor). Neste ponto, o campo Delivery type já estará como NLR e Mov type 671.


7) Lançar a Migo com mov 101 referenciando a PO UB de devolução criada no passo5. (Ao salvar, o movimento será alterado automaticamente para 161)

8) Por fim, entrar na VL02N com a remessa de devolução (criada no passo6) e "Post Goods Receipt"


Como o mov 671 não é relevante para NF (J_1BIM02V), a nota não é criada inviabilizando o processo. Se coloco o flag de relevante, aparece o erro 8B289-Enter a tax code.


Alguém já criou este processo e conseguiu resolver este problema?


Muito Obrigado,


Vitor

Add a comment
10|10000 characters needed characters exceeded

Assigned Tags

Related questions

9 Answers

  • Posted on Jun 30, 2016 at 05:53 PM

    Olá Vitor;

    Consegui resolver este problema da forma abaixo;

    Caso 1 – Se existir uma situação de sinistro ante da chegada da mercadoria no destino, conseguir resolver a situação da seguinte maneira, criei um novo movimento, com base no movimento 864, com determinação de nota automática, lançamento na transação MIGO.

    Caso 2 – Se existir uma situação de retorno de transferência, com não existe este operação com CFOP especifico, adotamos o procedimento de uma transferência normal.

    Exemplo retornado 10 unidades com problema, de lote de 100 unidades.

    Filial A transfere para Filial B – 100 unidades 

    Filial B transfere para Filial A – 10 unidades

    Movimento 862.

    Quando e realizado um movimento 862 o SAP no standard, credita o estoque na filial de origem e já debita o estoque no destino na situação em trânsito, mas já fica contemplando no filial independentemente do recebimento no destino.


    Sem título.png (21.5 kB)
    Sem título.png (21.5 kB)
    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

    • Former Member

      Boa tarde Sousa,

      Referente ao Caso1, você comentou que criou um Mvt cópia do 864 (devolução e faz referência a nota fiscal de saída).

      O 864 standard, só é possível ser executado se a NFe de saída for estornada antes, porém no meu caso, estas devoluções sempre ocorrem após 24h, ou seja, devido a regra da SEFAZ não consigo mais estornar a NFe, logo, quando tento utilizar o 864 via VL09, aparece a mensagem solicitando o estorno da NFe, ou seja, o processo fica travado.

      Esta solução que comentou também funciona para este casos de Nota de saída emitida a mais de de 24h?

      Se sim, poderia por gentileza detalhar o passo a passo do que foi feito?

      Obrigado,

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Apr 15, 2015 at 10:41 PM

    vc definiu o IVA no pedido?

    Abraço

    Eduardo Chagas

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

    • Former Member

      Bom dia Eduardo,

      Como se trata de PO UB, o IVA é determinado apenas no item da remessa (Campo Cód.imposto da aba Processamento Financeiro). No caso está preenchido tanto o IVA quanto os direitos fiscais mas mesmo assim a msgem de erro persiste.

      Abraço.

      Vitor Jesus

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on May 06, 2015 at 12:14 AM

    Vitor,

    Verificou se na J_1BTAXCODEV está definido para o campo SD_MWSKZ o Cod.imposto da sua remessa para algum IVA?

    O processo de Transferência utiliza o Cod. Do Imposto SD de acordo com a sequência de acesso configurada para atribui-lo na remessa, logo o sistema identifica qual IVA de MM está configurado para o Cod. De Imp. SD na J_1BTAXCODEV e efetua a atribuição desse IVA para realizar a Contabilização.



    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Aug 21, 2015 at 07:13 PM

    Vitor,

    Vc chegou a dar uma olhada no controle de campo desse movimento na OMJJ?

    tentou colocar como opcional só para fazer um teste?

    Felipe Leonel Ramasco

    MM/GRC

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Sep 18, 2015 at 02:34 PM

    Bom dia Vitor,

    Estou tentando implementar este processo, e também estou com este mesmo erro. Você conseguiu resolver?

    Obrigada

    Ana Cristina

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Jan 12, 2016 at 06:39 PM

    Pessoal boa tarde,

    Abri um chamado e a SAP me orientou a aplicar a nota 1734349 - Error M7021 while Full/Partial Return of Transit Stock que. além de corrigir o erro de IVA inicialmente apresentado, eliminou a necessidade de fazer o passo 07 descrito no início da Thread.

    Tentei seguir o processo, porém me deparei com uma situação que inviabiliza o cenário de devolução de transferência.

    Exemplo:

    1) PO Stock Transfer: 4300000163 com 6 TO

    2) Remessas criadas com 862 e NFe emitida:

    80322974 = 2 TO

    80322975 = 2 TO

    80322976 = 2 TO

    *Considerando que cada remessa representa um caminhão que irá transportar a mercadoria com uma nota.

    Resultado:

    MB5T = 6 TO em trânsito

    Dos três caminhões que saíram do centro de origem e estão no caminho, imagine que surge a necessidade de retornar com apenas um deles, ou seja, deverá ser feito o processo de devolução de 2 TO. Foi escolhido o retorno da remessa 80322975 = 2 TO

    O Processo abaixo de devolução foi feito conforme orientação da SAP Note 1512390

    3) PO Stock Transfer Return: 4300000164 com 02 TO (campo item de devol flegado)

    4) VL10B: Remessa de devolução 80322977 criada. (Mov 671 - Item Type NLRN)

    5) VL02N: O número de uma das remessas criadas no passo 2 foi inserida no campo Remessa externa (LIKP-LIFEX) = 0080322975 (10 digits adicionando zeros a esquerda)

    Após clicar em Registrar EM, o sistema efetiva o retorno de 02 TO para o depósito de oritem, porém ao invés de baixar 2 TO do saldo em trânsito (MB5T), inseri uma segunda linha com lançamento negativo de 2 TO:

    Desta forma, mesmo com a devolução de 02 TO efetivada, o SAP permite fazer o recebimento das 06 TO (Três remessas) no centro de destino via MB0A.

    Após questionada, a SAP indicou a aplicação da nota 2068760 que nada mais é que um report onde primeiro deve ser executado inserindo o número da PO de devolução e depois a PO da transferência:

    Após executar para a PO de devolução: A linha com a PO de devolução foi eliminada.

    Após executar para a PO da transferência, o registro com as 06 TO em trânsito também é eliminado.

    Problema: Como ambas as POs foram eliminadas da MB5T, não existe mais saldo em trânsito e consequentemente não é possível fazer o recebimento das duas outras remessas (04 TO) que estavam em trânsito.

    Alguém já passou por esta situação?

    Vitor


    MB5T_01.jpg (7.2 kB)
    MB5T_2.JPG (11.0 kB)
    Report_Dev.jpg (10.1 kB)
    Remessa_01.jpg (98.1 kB)
    remessa2.jpg (107.1 kB)
    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Jun 23, 2016 at 05:04 PM

    Pessoal, boa tarde!

    Temos o processo de transferência entre plantas implementado aqui na empresa e agora configuramos o processo de retorno devido a um sinistro que ocorreu durante o transporte da mercadoria.
    Aplicamos a nota 1512390 e as demais e o processo funcionou como o descrito acima.

    Porém, em reunião com a área de negócio da empresa os mesmos não concordam com a recebimento na planta 2 (mt861) + escrituração NF de entrada para só depois fazer MT161 + MT671 voltando a mercadoria para planta de origem. Tudo isso porque se realizarmos este recebimento na planta 2 teremos que eliminar a NF manualmente no momento da emissão do SPED.

    Alguém já conseguiu realizar o retorno MT161/MT671 sem fazer o recebimento com o movimento 861 na planta 2?

    obs: Cenário aplicado para NFs com período superior a 24 horas onde não podemos mais realizar o cancelamento da Nota.


    Agradeço atenciosamente,

    Rafael Carvalho.

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Jul 01, 2016 at 05:14 PM

    Olá estimados,

    Sigo acompanhando a discussão. Como comentei, hoje consigo retornar a mercadoria através do movimento 161+671 desde que feita a entrada na planta de destino B. Do ponto de vista fiscal não é legal essa entrada 861 uma vez que a mercadoria sinistrada nem chegou fisicamente ao centro de destino e terei de remover essa NF de entrada do SPED.
    Não sei se alguém conseguiu uma solução para este cenário da nota 1512390 sem receber na planta B. Espero que sim 😊

    Aqui na empresa que trabalho a soslução está como paleativa, pois na volta do material com o movimento 671 customizamos o mesmo para não emitir NF, assim não tenho uma emissão indevida e sem mercadoria física da planta B para planta A. Assim que meu físico retorna para planta A realizamos a baixa da mercadoria.


    Rafael Carvalho

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • Posted on May 15 at 02:17 PM

    Entendo que a thread é antiga, mas houve alguma solução para este tema?

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

Before answering

You should only submit an answer when you are proposing a solution to the poster's problem. If you want the poster to clarify the question or provide more information, please leave a comment instead, requesting additional details. When answering, please include specifics, such as step-by-step instructions, context for the solution, and links to useful resources. Also, please make sure that you answer complies with our Rules of Engagement.
You must be Logged in to submit an answer.

Up to 10 attachments (including images) can be used with a maximum of 1.0 MB each and 10.5 MB total.