Skip to Content

Redeterminação de CST nas saídas (Origem material x FCI)

Pessoal,

Como existe a demanda legal para enviar o CST e FCI das entradas nas NFs de saída (transferência/revenda), qual solução vocês estão adotando?

Pensei num controle para, a partir de um "estoque de FCIs", redeterminar o CST no momento do cálculo do ICMS - seja venda, devolução de compras, transferências, NF writer. Assim seria possível informar o CST e manter a coerência entre CST e FCI nas saídas, de forma automática.

Já foram questionados para implementar algo assim?

ps.: aberta nova thread para melhor acompanhamento (post original: http://scn.sap.com/message/14469017#14469017)

Abs,

Eduardo

Add a comment
10|10000 characters needed characters exceeded

Related questions

3 Answers

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Oct 25, 2013 at 07:40 PM

    Eduardo,

    Me permite repetir os dados para eu confirmar se eu entendi: o cenário que você cita trata de compra que fiz de fornecedores cujo produto tem origem do material 3,5,ou 8 e deverá informar FCI por item, e gostaria de saber como tratar o cenário de revenda e transferêncai destes cenários´, pois deve manter a CST e informar mesma FCI. É isto?

    Karen Rodrigues

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

    • Former Member Eduardo Hartmann

      Eduardo,

      Deixa eu compartilhar com você meu entendimento sobre o assunto e como estamos pensando em automatizar o processo, pois hoje ele esta manual.

      Cenário 01:

      O “revendedor” de produto nacional com Conteúdo de Importação deverá transcrever na sua NF-e apenas o número da FCI contido no documento fiscal relativo à operação anterior (compra) - este cenario vale também para as transferência de produto que não passou por um processo de transformação.

      Para as NFs de devolução de compra, deve informar a mesma origem do material e o mesmo numero do FCI da NF do fornecedor.

      Para este caso, pensamos de buscar a CST do produto e FCI da Miro do fornecedor - esta em fase de análise.

      Cenário 02:

      Produtos que passaram por um processo de industrialização/transformação - devem ser criadas novas FCI para produto final.

      Como tratamos hoje: foi feito desenvolvimento para incluir o numero da FCI onde contam as variáveis: planta, codigo produto, FCI , data validade incial e data validade final.

      O CCI eu devo fazer a cada novo processo de industrialização/transformação, considerando

      o penultimo periodo de apuração e eu so faço reenvio de uma FCI quando houver alteração na alíquota do ICMS. (Convenio 38/2013 - 2º A FCI será apresentada mensalmente, sendo dispensada nova apresentação nos períodos subsequentes enquanto não houver alteração do percentual do conteúdo de importação que implique modificação da alíquota interestadual)

      Para este cenário o que pensamos em fazer: Pensamos numa opção similar a que você citou,

      "Vejo como opções tratar via exits ou enhancements para mudar o CST que o sistema usa para cálculo do ICMS nas saídas (vendas, transferências, devolução de compra), conforme o controle de CST/FCI."

      ao invés de eu fazer um CCI manual, trazer ele automático, mas ainda estamos analisando a melhor forma de trazer isto, só agora conseguimos adequadamente trazer FCI em nível de item e avaliar com trataremos ja que não é possivel ter mais de uma FCI por item....

      E concordo plenamente, é um desafio decifrar este legislação, mapear o impacto no processo e trazer corretamente via sistema 😔

      Assim que "amadurecermos mais esta melhoria, eu te mantenho informado, ta complicado tratar 100% correto.

      Karen Rodrigues

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Jan 08, 2014 at 05:21 PM

    Olá, aproveitando o tópico, gostaria de pedir a ajuda de vocês.

    Na empresa que estou o FCI já esta implementado, mas apareceu a seguinte situação:

    Quando executamos a MIRO, ao informarmos o pedido o campo Origem de Material é atualizado via enhancement, lendo dados de uma tabela Z. O problema ocorre no momento da criação da NF de entrada, pois quando existe uma aliquota de imposto diferente ao trocarmos a Origem do Material (MATORG) não encontrei uma maneira de recalcular os impostos da mesma. Sou programador ABAP e gostaria de saber se voces passaram por essa situaçao, pois tentei diversas funções para o recalculo dos impostos dentro da proprio enhancement e nao obtive resultado até o momento.

    Agradeço desde já pela atençao.

    Allan Araujo

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

  • author's profile photo Former Member
    Former Member
    Posted on Jan 09, 2014 at 12:01 AM

    Oi Eduardo!

    Por favor dê um feedback a thread e se for o caso feche a mesma!

    Desde já agradeço

    Abraço

    Eduardo Chagas

    Add a comment
    10|10000 characters needed characters exceeded

Before answering

You should only submit an answer when you are proposing a solution to the poster's problem. If you want the poster to clarify the question or provide more information, please leave a comment instead, requesting additional details. When answering, please include specifics, such as step-by-step instructions, context for the solution, and links to useful resources. Also, please make sure that you answer complies with our Rules of Engagement.
You must be Logged in to submit an answer.

Up to 10 attachments (including images) can be used with a maximum of 1.0 MB each and 10.5 MB total.